Brumado Notícias

Brumado Notícias

Resultado da busca pela categoria "economia"

Governo vai remanejar FGTS para Caixa manter linha de crédito

09 Mai 2017 - 13h30


Governo vai remanejar FGTS para Caixa manter linha de crédito
Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias

O governo federal fará um remanejamento dos recursos do FGTS para permitir um aporte de 2,54 bilhões de reais na linha de financiamento habitacional pró-cotista – a mais barata -, informou a Caixa, nesta segunda-feira. “A Caixa e o ministério das Cidades estão em tratativas finais para remanejamento de recursos do FGTS para aporte de 2,54 bilhões na linha pró-cotista”, afirmou o banco estatal em comunicado à imprensa. De acordo com a Veja, na sexta-feira, a Caixa havia informado a suspensão de novas contratações de crédito imobiliário com recursos do FGTS, a linha pró-cotista, o financiamento habitacional mais barato depois do Minha Casa Minha Vida.

Juros do cartão caem à metade: 233% ao ano

09 Mai 2017 - 09h30


Juros do cartão caem à metade: 233% ao ano
Foto: Reprodução

No primeiro mês das novas regras do rotativo do cartão de crédito, as taxas de juros da modalidade dos principais bancos caíram praticamente pela metade, segundo pesquisa divulgada na segunda-feira (8) pela Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs). Na terceira semana de abril, as taxas dos cinco maiores emissores de cartão foram de 456,6% ao ano para 233,9% ao ano, em média. Considerando os juros ao mês, a queda foi de 15,4% para 10,6%. De acordo com o G1, pela nova regra do o cartão de crédito, em vigor desde o dia 3 de abril, os clientes passaram a ter restrições para fazer o pagamento mínimo da fatura e acessar o crédito rotativo. Diferente do que ocorria antes, quem optar por pagar o valor mínimo da fatura não poderá fazer essa opção por vários meses consecutivos. Entenda como funciona. A restrição foi criada para coibir o uso do rotativo e obrigar os bancos a oferecer uma solução de parcelamento para o cartão de crédito com juros mais baratos.

Produção de veículos cresce 11,4% em abril

05 Mai 2017 - 16h30


Produção de veículos cresce 11,4% em abril
Foto: Maurício Lima

A produção de carros, comerciais leves (picapes e furgões), caminhões e ônibus no Brasil cresceu 11,4% em abril, na comparação com o mesmo mês do ano passado, afirmou nesta sexta-feira (6) a associação das montadoras (Anfavea). No total, 191.069 veículos saíram das fábricas instaladas no país em abril, contra 171.517 no mesmo mês de 2016. Na comparação com março, quando 235.433 unidades foram produzidas, houve queda de 18,8%. De acordo com o Auto Esporte, no acumulado do ano, 801.600 veículos foram produzidos, o que representa um aumento de 20,9%. Em 2016, a indústria fabricou 663.223 veículos de janeiro a abril. Apesar da alta na produção, as vendas não seguiram a mesma tendência. Em abril, houve queda 3,7% nos emplacamentos, com 156.894 unidades, contra 162.939 no mesmo mês de 2016, seguindo a tendência apontada pela associação das concessionárias (Fenabrave). Assim como a Fenabrave, a Anfavea atribuiu o resultado de vendas de abril aos poucos dias úteis, 18 ao todo. E destacou que a média diária de emplacamentos, no entanto, cresceu. Foi 7% maior que a de 1 ano atrás e 6% superior à de março.

Brumado: IPTU 2017 pode ser pago com 10% de desconto até o dia 30 de maio

04 Mai 2017 - 15h00


Brumado: IPTU 2017 pode ser pago com 10% de desconto até o dia 30 de maio

A Prefeitura Municipal de Brumado, através da Secretaria da Fazenda (Sefaz), informa que a guia de recolhimento do Imposto Sobre Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) 2017 começou a ser distribuída pelos Correios. O IPTU 2017 pode ser pago em cota única, com desconto de 10%, até o dia 30 de maio de 2017. Pelos Correios só está sendo distribuído o boleto para pagamento em cota única, porém, o contribuinte também pode optar pelo pagamento parcelado em até quatro vezes, com vencimento da primeira parcela no dia 30 de maio de 2017. Para isso, os interessados devem se dirigir ao Departamento de Tributos do Município ou acessar o Portal do Contribuinte através do link www.brumado.ba.gov.br/iptu para emitir a guia de recolhimento com essa opção. O boleto deve ser pago no Banco Bradesco ou em seus correspondentes. O IPTU é pago por pessoas físicas e jurídicas que possuam imóveis em seu nome. A arrecadação do imposto tem o objetivo de obter recursos financeiros para investimentos no município.

Com obras avançadas, Cortez começa a dispensar operários do Parque Eólico de Brumado

04 Mai 2017 - 10h00


Com obras avançadas, Cortez começa a dispensar operários do Parque Eólico de Brumado
Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias

O site Brumado Notícias apurou que as obras de terraplanagem realizadas pela empresa Cortez Engenharia no canteiro de obras do Parque Eólico do distrito de Cristalândia, em Brumado, estão mais de 95% concluídas. O adiantamento das obras tem levado a empresa a dispensar uma boa quantidade de operários que atuavam na linha de produção. Em contrapartida, o empreendimento entrou em uma nova fase de obras que inclui a implantação das linhas de transmissão. Com a obra a todo vapor, outra remessa de operários, com qualificação para essa modalidade de serviços, está sendo recrutada, o que tem mantido a rotina de atividades em toda a extensão do empreendimento na Serra da Araras.

Reforma no trabalho rural prevê pagamento com casa e comida

03 Mai 2017 - 10h30


Reforma no trabalho rural prevê pagamento com casa e comida
Foto: Cris Toala Olivares/Reuters

Na esteira da aprovação da reforma trabalhista pela Câmara, os deputados deverão trabalhar agora para aprovar mudanças na legislação do trabalho rural no país. Um projeto de lei do deputado Nilson Leitão (PSDB-MT) prevê alterar as leis que regulam essas relações, mas assim como a proposta geral, também é recheado de polêmicas. Um dos itens da nova reforma prevê que o empregado rural poderá trabalhar em troca de casa e comida, por exemplo, ao permitir que o patrão pague seus funcionários com uma “remuneração de qualquer espécie”. De acordo com a Veja, no artigo 3º, o projeto prevê que “empregado rural é toda pessoa física que, em propriedade rural ou prédio rústico, presta serviços de natureza não eventual a empregador rural ou agroindustrial, sob a dependência e subordinação deste e mediante salário ou remuneração de qualquer espécie”. O pagamento poderá ocorrer também via concessão de terras para plantio ou parte do lucro da produção. O deputado, da bancada ruralista, justifica as alterações afirmando que as leis que regulamentam o trabalho no campo atualmente desprezam “usos e costumes e a cultura do campo”.

Boleto vencido pode ser pago em qualquer banco a partir de julho

03 Mai 2017 - 09h30


Boleto vencido pode ser pago em qualquer banco a partir de julho
Foto: Reprodução/Zero Hora

Um novo sistema para pagamentos de boletos começa a funcionar em julho. Com o novo sistema, o boleto, mesmo vencido, poderá ser pago em qualquer banco. Além disso, o cálculo de juros e multa do boleto atrasado será feito automaticamente, o que reduzirá a necessidade de ir a um guichê de caixa e eliminará a possibilidade de erros no cálculo. A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) está apresentando o novo sistema para empresas e jornalistas em várias cidades. Na apresentação, o diretor adjunto de Operações da Febraban, Walter Tadeu, lembrou que a nova plataforma vem sendo desenvolvida desde o ano passado, devido ao elevado número de fraudes em boletos. “A Nova Plataforma vai trazer mais segurança”, disse Tadeu. Ele acrescentou que o sistema atual tem mais de 20 anos de existência. Tadeu explicou que as informações de todos os boletos emitidos pelos bancos estarão na nova plataforma única, criada pela federação em parceria com a rede bancária. Na hora de pagar o boleto, os dados serão checados na plataforma. Se houver divergência de informações, o pagamento não será autorizado, e o consumidor só poderá pagar o boleto no banco que emitiu a cobrança, uma vez que somente essa instituição terá condições de conferir o que for necessário. As informações são da Agência Brasil.

Brumado: Agricultores podem renegociar dívidas com até 95% de desconto no Banco do Nordeste

02 Mai 2017 - 11h00


Brumado: Agricultores podem renegociar dívidas com até 95% de desconto no Banco do Nordeste
Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias

Após a regulamentação da Lei de Renegociação de Dívidas Rurais (Lei nº 13.340/2016), o Banco do Nordeste do Brasil (BNB) abriu negociação com produtores rurais inadimplentes. O banco está oferecendo, entre outras vantagens, desconto de até 95% para renegociação de dívidas. Em Brumado, os interessados devem procurar o Sindicato dos Trabalhadores Rurais na pessoa de Aroldo Meira, que fará a emissão do boleto para pagamento. O órgão fica localizado na Rua Alan Kardec, 5, no Bairro Centro. A Secretaria Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semar) informa aos produtores rurais que está é uma ótima oportunidade para quitação de débitos. Segundo a secretaria, além de voltar a ter crédito na praça, os produtores poderão, após a renegociação, contrair novos empréstimos e adquirir outros benefícios, como, por exemplo, a requisição da aposentadoria. Os clientes podem obter mais informações sobre os benefícios da Lei de Renegociação diretamente na agência ou pelo número 0800-728-3030.

Com seca, indústria de chocolate no sul da Bahia importa cacau da África

01 Mai 2017 - 14h38


Com seca, indústria de chocolate no sul da Bahia importa cacau da África

Com a estiagem que dura desde setembro de 2015 no sul da Bahia, quatro indústrias de chocolate da região precisaram importar cacau da África neste ano. Desembarcaram no porto de Ilhéus, em 2017, 150 mil toneladas do fruto oriundas do país de Gana, no continente africano. Parte das sacas que chegam segue em caminhões para as fábricas e outra parte fica armazenada no porto. “Tivemos achatamento da produção, em torno de 50%, e a indústria precisou fazer a importação”, explica ao G1 o presidente do sindicato rural da região, Milton Andrade. Tanto as amêndoas que ficam estocadas no porto, quanto as que seguem para outros armazéns, são inspecionadas no terminal, onde são coletadas amostras para análises. “É feita inspeção, fiscalização e classificação vegetal. É aplicado inseticida para não haver praga de grãos armazenados e é um cacau de primeira qualidade”, garante o auditor fiscal Silvio Menezes. Um dos principais cuidados em relação à importação é impedir a entrada de pragas de outros países, como por exemplo, a monilíase, a striga e phytophthora. Segundo os produtores, a safra de maio e junho deste ano também está comprometida com a falta de chuva. Mcom a estiagem, a região sul da Bahia ainda é maior produtora de cacau no Brasil, com 60% da produção nacional. No ano passado, chegou a produzir 120 mil toneladas do produto.

Desemprego vai a 13,7% e atinge 14,2 milhões

28 Abr 2017 - 14h30


Desemprego vai a 13,7% e atinge 14,2 milhões
Foto: Reprodução/Dinheiro na Conta

O desemprego subiu para 13,7% no trimestre de janeiro a março, segundo dados divulgados nesta sexta-feira (28) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), por meio da pesquisa Pnad Contínua. De acordo com o IBGE, essa foi a maior taxa de desocupação da série histórica, iniciada em 2012. No 1º trimestre, o Brasil tinha 14,2 milhões de desempregados, também batendo recorde da série histórica. Em relação à taxa, as altas são de 1,7 ponto percentual frente ao trimestre de outubro a dezembro de 2016 (12%) e de 2,8 pontos percentuais em relação ao mesmo trimestre de 2016 (10,9%). De acordo com o G1, em relação ao número de desocupados, o contingente cresceu 14,9% (mais 1,8 milhão de pessoas) frente ao trimestre de outubro a dezembro de 2016 e 27,8% (mais 3,1 milhões em busca de trabalho) em relação ao mesmo trimestre de 2016, segundo o IBGE.

Contas do governo têm maior rombo para o 1º tri em 21 anos

28 Abr 2017 - 13h30

As contas do governo federal registraram rombo recorde no mês de março e no primeiro trimestre deste ano, segundo números divulgados pela Secretaria do Tesouro Nacional nesta quinta-feira (27). Somente em março, as despesas do governo superaram as receitas com impostos em R$ 11,06 bilhões - o pior resultado para o mês desde o início da série histórica, em 1997. De janeiro a março, o chamado déficit primário totalizou R$ 18,29 bilhões, também o pior para o período em 21 anos. Essas contas não levam em consideração os gastos do governo federal com o pagamento dos juros das dívida pública. O fraco resultado das contas públicas acontece em um ambiente ainda de baixo nível de atividade, que tem resultado em queda da arrecadação. Embora apareçam alguns sinais de melhora do ritmo da economia, como alta da confiança e da produção industrial, o desemprego ainda segue alto, o que impõe uma velocidade menor ao ritmo de recuperação.

Mina de ouro é descoberta na cidade de Iramaia na Chapada Diamantina

26 Abr 2017 - 11h00


Mina de ouro é descoberta na cidade de Iramaia na Chapada Diamantina
Foto: Reprodução/UPB

Uma mina de ouro foi descoberta na pacata cidade de Iramaia, na Chapada Diamantina. Por conta disso, o município já começou a receber dezenas de pessoas interessadas em atuar na extração do metal precioso. Iramaia tem um campo aurífero com pelo menos 4 km de extensão. Estudos preliminares indicam que os investimentos para deixar a mina em operação são da ordem de US$ 200 milhões. De acordo com o Sudoeste Digital, a prospecção do chamado Projeto Jurema Leste foi feita pela Companhia Baiana de Pesquisas Minerais (CBPM) e apresentada em março no maior evento de mineração do mundo, em Toronto, no Canadá. Segundo o secretário de Desenvolvimento Econômico, Jaques Wagner, as perspectivas são as melhores. “Devemos atrair investidores internacionais para um grande empreendimento. O impacto será em toda a economia regional”, destacou.

Comissão da Câmara aprova relatório da reforma trabalhista

26 Abr 2017 - 09h30


Comissão da Câmara aprova relatório da reforma trabalhista
Foto: Estadão Conteúdo

Após cinco horas de discussão, a comissão especial da Câmara aprovou o relatório da reforma trabalhista, de autoria do deputado Rogério Marinho (PSDB-RN). O relatório foi aprovado por 27 votos a 10 e nenhuma abstenção, com ressalvas aos destaques incluídos no relatório durante a discussão. Como a Câmara aprovou na semana passada o requerimento de urgência para a reforma trabalhista, não foi possível pedir vista ou fazer emendas à matéria na comissão especial. De acordo com a Veja, a expectativa é votar o material amanhã no plenário da Câmara. Se passar no plenário, o texto segue para o Senado. O governo tem pressa em aprovar o projeto. O temor é que os protestos convocados por sexta-feira no país influenciem o voto dos parlamentares.

Restam quatro dias para data limite do envio da declaração do imposto de renda

25 Abr 2017 - 18h30


Restam quatro dias para data limite do envio da declaração do imposto de renda
Foto: Getty Images

Os contribuintes que pretendem declarar o Imposto de Renda neste ano têm apenas mais quatro dias para enviar o documento para a base de dados da Receita Federal. O prazo para a entrega da declaração termina às 23h59 da próxima sexta-feira (28). Quem declarar após o horário determinado deverá arcar com uma multa proporcional ao atraso. De acordo com o último balanço divulgado pela Receita Federal, quase 12 milhões de contribuintes ainda não enviaram o documento. A expectativa do Fisco é receber 28,3 milhões de declarações até sexta-feira. A multa por atraso de entrega é calculada com base no valor do imposto devido. Com isso, nem mesmo quem tem direito à restituição fica livre de pagar caso entregue a declaração após o prazo estipulado pelo Fisco. Segundo o R7, a penalidade para os documentos enviados com atraso corresponde 1% ao mês-calendário ou fração de atraso, cujo valor mínimo é de R$ 165,74 e máximo de 20% do imposto devido.

Fredson Mota deixará gerência da Caixa Econômica Federal em Brumado

25 Abr 2017 - 07h00


Fredson Mota deixará gerência da Caixa Econômica Federal em Brumado
Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias

Após três anos atuando como gerente da Caixa Econômica Federal (CEF) em Brumado, Fredson da Motta foi promovido e irá atuar em Maceió, capital do estado de Alagoas. No período de atuação na cidade, Fredson aplicou metodologias para evolução dos atendimentos propostos pelo banco no município, sendo um grande articulador para construção e entrega de centenas de casas do programa ‘Minha Casa, Minha Vida’, ajudando a cobrir uma parte do déficit habitacional na cidade. João Paulo, atual gerente da Agência de Paramirim, irá assumir o cargo na CEF em Brumado. Segundo apurou o site Brumado Notícias, Fredson continuará à frente do cargo até o dia 02 de maio.

Petrobras anuncia aumento nos preços da gasolina e do diesel

21 Abr 2017 - 09h00


Petrobras anuncia aumento nos preços da gasolina e do diesel
Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias

A Petrobras anunciou na quinta-feira (20) o aumento do preço do diesel e da gasolina nas refinarias. Os novos valores começam a ser aplicados já a partir desta sexta (21). Segundo a petroleira, o reajuste no preço da gasolina será de 2,2%, enquanto o valor do diesel subirá 4,3%. A estatal estima que, nas bombas, a alta do diesel pode ser de 2,9% (R$ 0,09 por litro) e, no caso da gasolina, de 1,2% (R$ 0,04), em média. Os preços, porém, são livres e o repasse dependerá de políticas comerciais de cada distribuidora e revendedor de combustíveis. “A decisão é explicada principalmente pela elevação dos preços dos derivados nos mercados internacionais desde a última decisão de preço, que mais que compensou a valorização do real frente ao dólar, e por ajustes na competitividade da Petrobras no mercado interno. É preciso destacar ainda que o comportamento dos preços de derivados foi marcado por volatilidade nos mercados internacionais em resposta a evento geopolítico, como o ocorrido na Síria”, justificou a Petrobras, em comunicado à imprensa.

Prévia da inflação oficial é a menor para abril desde 2006

20 Abr 2017 - 15h30

A prévia da inflação oficial, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA-15), ganhou força de março para abril, passando de 0,15% para 0,21%, segundo divulgou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quarta-feira (20). Mas foi a menor taxa para um mês de abril desde 2006, quando ficou em 0,17%. De acordo com o G1, no acumulado do ano, a taxa é de 1,22%, abaixo dos 3,32% referentes ao mesmo período do ano anterior (de janeiro a abril). No acumulado de 12 meses, o índice caiu para 4,41%, abaixo dos 4,73% registrados nos 12 meses imediatamente anteriores. Segundo o IBGE, é a menor variação acumulada em períodos de 12 meses desde janeiro de 2010 (4,31%). Em abril de 2016, a taxa havia ficado em 0,51%.

A 9 dias do prazo do Imposto de Renda, menos da metade enviou a declaração

20 Abr 2017 - 14h30


A 9 dias do prazo do Imposto de Renda, menos da metade enviou a declaração

Faltando 9 dias para o fim do prazo para envio da declaração de Imposto de Renda, menos da metade das declarações previstas pela Receita Federal foram entregues. Até as 18h da quarta-feira (19), último balanço da Receita, 13,86 milhões de declarações haviam sido entregues, ou seja, 48,7% das 28,3 milhões de declarações. De acordo com o G1, o prazo final para entrega é dia 28, sexta-feira que vem. A multa mínima para o contribuinte que não entregar até o prazo é de R$ 165,74 e a máxima é de 20% do imposto devido. 

Brasileiro ainda não conseguiu poupar dinheiro em 2017

19 Abr 2017 - 18h30


Brasileiro ainda não conseguiu poupar dinheiro em 2017
Foto: Thinkstock/Veja

Com a economia em crise, o brasileiro ainda não conseguiu poupar dinheiro neste ano. Em fevereiro, apenas 16% dos consumidores das classes C, D e E conseguiram guardar algum valor. Nas classes A e B a parcela foi um pouco maior: 34%. É o que mostra o Indicador de Reserva Financeira, calculado pelo SPC Brasil e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas. A grande maioria não conseguiu guardar nada. Nas classes A e B, 62% não conseguiram poupar em fevereiro. Quando se considera as classes C, D e E, o número sobe para 78%. De acordo com a Veja, o indicador ainda mostra que, em fevereiro, entre aqueles que possuem reserva financeira, mais da metade (55%) fizeram uso dos recursos poupados. Em janeiro, esse número foi 48%. Os principais motivos foram o pagamento de despesas extras (12%), pagamento de dívidas (12%) e imprevistos (11%).

Câmara aprova texto de projeto que prevê socorro a estados

19 Abr 2017 - 16h30


Câmara aprova texto de projeto que prevê socorro a estados
Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

A Câmara dos Deputados aprovou na terça-feira (18), por 301 votos a 127 (7 abstenções), o texto-base do projeto de lei que prevê a recuperação fiscal dos estados em crise financeira. Por se tratar de projeto de lei complementar, a proposta exigia, pelo menos, 257 votos favoráveis. Para concluir a votação, contudo, os parlamentares ainda precisam analisar as chamadas emendas, sugestões de deputados que podem alterar o teor do texto. Após a conclusão da análise pela Câmara, a proposta seguirá para votação no Senado. Enviado pelo presidente Michel Temer (PMDB) neste ano, o projeto suspende o pagamento das dívidas estaduais com a União por três anos (prorrogáveis por mais três), desde que sejam adotadas medidas de ajuste fiscal, as contrapartidas. De acordo com o G1, a aprovação do texto-base aconteceu após várias tentativas frustradas de votar o texto, que sofre resistência por parte de parlamentares. Desde o início do mês, foram quatro adiamentos.

Conta de luz dos consumidores baianos vai subir 3%, aprova Aneel

18 Abr 2017 - 16h00


Conta de luz dos consumidores baianos vai subir 3%, aprova Aneel
Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias

Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou, nesta terça-feira (18), um reajuste médio de 3% para as tarifas de energia da Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba). O reajuste pode ser aplicado a partir do dia 22 de abril. O reajuste médio para os consumidores industriais, que são os atendidos em alta tensão, o reajuste médio será de 3,5% e para os consumidores residenciais, atendidos em baixa tensão, a tarifa vai subir 2,77%. De acordo com o G1, a Coelba atende 5,8 milhões de unidades consumidoras e quase todos os municípios da Bahia.

Prévia do PIB mostra alta de 1,31% da economia em fevereiro

17 Abr 2017 - 16h30

Em fevereiro, o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) teve alta de 1,31% ante o mês anterior, a segunda elevação mensal consecutiva neste ano, de acordo com a instituição. O dado representa um avanço na economia brasileira, que em janeiro subiu 0,62%. Conhecido como “prévia do BC para o PIB”, o IBC-Br serve como parâmetro para avaliar o ritmo da economia brasileira ao longo dos meses. No acumulado de 2017 até fevereiro, a retração é de 0,12% pela série sem ajustes sazonais, na qual também é possível identificar um recuo de 3,56% nos 12 meses encerrados em fevereiro. Na comparação entre os meses de fevereiro de 2017 e 2016, houve queda de 0,73% também na série sem ajustes sazonais. A série observada encerrou com o IBC-Br em 129,31 pontos em fevereiro, ante 128,64 pontos de janeiro e 130,26 pontos de fevereiro do ano passado. O indicador de fevereiro de 2017 ante o mesmo mês de 2016 mostrou desempenho melhor que o apontado pela mediana (-2,55%) das previsões de analistas do mercado financeiro (-3,30% a -0,60% de intervalo). A previsão oficial do BC para a atividade doméstica em 2017 é de avanço de 0,5%, de acordo com o Relatório Trimestral de Inflação (RTI) publicado no fim de março. No Relatório de Mercado Focus publicado nesta segunda, a mediana das estimativas do mercado para o Produto Interno Bruto (PIB) está em 0,40%. As informações são da Veja.

Governo Federal quer vender loterias para reforçar caixa

17 Abr 2017 - 10h30


Governo Federal quer vender loterias para reforçar caixa
Foto: Sérgio Castro/Estadão

O governo federal conta com a privatização das loterias para dobrar a arrecadação de tributos sobre as apostas dos brasileiros. Com empresas experientes no ramo operando os jogos eletrônicos em todo o mundo, a equipe econômica quer trazer os investidores para o mercado brasileiro e acredita que o volume de receitas de impostos sobre as loterias pode saltar rapidamente de R$ 6 bilhões para pelo menos R$ 12 bilhões – arrecadação que pode ajudar a reforçar o caixa do Tesouro Nacional nos próximos anos enquanto as contas públicas ainda deverão ficar no vermelho. Antes de privatizar o setor – que é um monopólio da Caixa Econômica Federal –, o governo dividiu o conjunto de loterias em duas empresas que serão leiloadas: a Lotex (a loteria instantânea, como a raspadinha), que já existe no Brasil, e a chamada “SportBeting” (loteria de apostas, por exemplo, no time que vai ganhar, placar do jogo, prognósticos feitos por meio da internet). Esta última ainda não foi criada no País. As informações são do Estadão. 

40% dos baianos ainda não fizeram declaração do imposto de renda

16 Abr 2017 - 09h00


40% dos baianos ainda não fizeram declaração do imposto de renda
Foto: Jornal Contábil

A menos de duas semanas para o fim do prazo, quase 40% dos baianos ainda não declararam Imposto de Renda. Segundo dados divulgados pela Receita Federal logo antes da Semana Santa, das quase 1,15 milhões de declarações esperadas para todo o estado, apenas 458.053 tinham sido recebidas. Considerando todo o país, a situação é semelhante. Das 28,3 milhões de declarações aguardadas, 11 milhões foram feitas. O prazo para envio começou em 2 de março e termina em 28 de abril. A multa para o contribuinte que não fizer a declaração ou entregá-la fora do prazo será de, no mínimo, R$ 165,74. O valor máximo equivale a 20% do imposto devido. As restituições começam a ser pagas em 16 de junho e quanto mais cedo o contribuinte enviar a sua declaração sem erros, mais cedo ele deve receber as restituições.

Contribuintes podem pagar IPVA com 5% de desconto até o final de abril

15 Abr 2017 - 08h30


Contribuintes podem pagar IPVA com 5% de desconto até o final de abril
Foto: Egi Santana/G1-BA

Os proprietários de veículos com placas de final 3 e 4 terão até os dias 27 e 28 de abril, respectivamente, para quitar o Imposto Sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) com 5% de desconto. Existe ainda a opção de pagamento do IPVA em até três vezes, mas não haverá desconto. O vencimento da primeira parcela é na mesma data da cota única com desconto (27 de abril para placas de final 3 e 28 de abril para placas de final 4). Caso o contribuinte prefira pagar todo o imposto de uma vez, as datas limites são 29 de junho para final de placa 3 e 30 de junho para final de placa 4, também sem abatimento no valor total. As datas de vencimento para as demais placas podem ser consultadas no calendário do IPVA 2017, disponível no site da Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz). Para efetuar o pagamento, basta dirigir-se a uma agência ou caixa eletrônico do Banco do Brasil, Bradesco ou Bancoob, com o número do Renavam em mãos. A Sefaz ressalta que não encaminha para os contribuintes boleto de pagamento do IPVA. Em caso de dúvida, é possível entrar em contato através do número 0800 071 0071.