Brumado Notícias

Brumado Notícias

Brumado: Vereador põe o prefeito contra parede e acusa Vítor Bonfim de traição

30 Set 2014 - 17h00


Brumado: Vereador põe o prefeito contra parede e acusa Vítor Bonfim de traição
Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias

A última semana de campanha eleitoral alterou os ânimos dos concorrentes e de seus apoiadores em Brumado. O assunto, que deveria ser debatido apenas nos bastidores da política, foi levado a público através da sessão da câmara de vereadores na noite da última segunda-feira (29). Na ocasião, José Carlos dos Reis (PDT), líder do prefeito na câmara, esbravejou contra Aguiberto Lima Dias (SDD) exigindo que o mesmo tomasse um posicionamento claro quanto ao lado que apoia nas eleições. Segundo o parlamentar, “o eleitorado local ficou confuso após o prefeito desfilar em carro aberto ao lado da ex-deputada Marizete Pereira durante carreata de Rui Costa na cidade”. Para Reis, a gota d’água foi a exposição do candidato a deputado estadual, Vítor Bonfim (PDT), ao lado do candidato a deputado federal, Arthur Maia (SDD), uma vez que, segundo o vereador, Vítor declarou que estaria apoiando Erivelton Santana (PSC). 

Brumado: Vereador põe o prefeito contra parede e acusa Vítor Bonfim de traição
Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias

O parlamentar deixou escapar nas entrelinhas que estaria disposto a deixar seu posto de líder no parlamento municipal. “Na condição de líder do prefeito estou pasmo. Fiquei chocado quando vi estampado nos santinhos o candidato apresentado pelo prefeito com o candidato a deputado federal, o qual é do grupo que mais faz oposição ao prefeito, que mais representou juridicamente contra ele, que mais tem feito crítica ao prefeito. Ora, que papel eu vou fazer aqui nesta Casa como líder do prefeito se os adversários dele estão juntos? Vou fazer papel de bobo?”, indagou o vereador. Reis ainda citou que Vítor Bonfim estaria se aliando a Arthur Maia no intuito de captar votos em Brumado, mas levar os benefícios apenas para Guanambi. Coincidência ou não, nesta terça-feira (30), as ruas da cidade amanheceram lotadas de panfletos apontando a aliança entre Bonfim e Maia como um gesto de traição.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.